Arquivo da tag: Senado

Mais sacanagem no Senado!

Todos os dias os nomes aparecem.

Todos os dias uma nova sacanagem.

O Brasil é um país absurdo. Muita impunidade As coisas aparecem todos os dias e os nomes estão aí. A corrupção faz parte do sistema. O filme “Tropa de Elite”, de José Padilha, sucesso de público e crítica confirma o que estou dizendo.

Reportagem da Folha de S. Paulo de hoje mostra que o Senado pagou pelo menos R$ 6,2 milhões em horas extras para funcionários que teriam prestado serviço em janeiro – mês em que a Casa estava em recesso e quando não houve sessões, reuniões e nenhuma atividade parlamentar.

Desta vez, a explicação oficial é um completo absurdo. Coisa que, se a gente não levasse em conta que é com o nosso dinheiro, poderíamos rir por quase toda a vida.

O Senado justificou que 3.883 servidores trabalharam além do expediente normal em janeiro para preparar uma única sessão, que ocorreu no dia 2 de fevereiro.

O Senado tem 6.570 servidores entre comissionados e efetivos.

Desta forma, o Senado sustenta que foram necessários os trabalhos, extras, de 3.883 servidores para preparar uma sessão.

Os responsáveis
O ex-secretário da Mesa Diretora senador Efraim Morais (DEM-PB) foi quem assinou a autorização do pagamento. Agacial Maia, até então diretor-geral do Senado, emitiu os documentos para confirmarem os pagamentos.

Abraços,
Daniel Machado

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Geral, Mídia, Politica

Jarbas tem razão!

No seu discurso na quarta-feira ( esse do post aí abaixo), o senador Jarbas Vasconcelos (PMDB-PE) disse não precisar citar nomes, pois estes aparecem todos os dias. A afirmação é uma verdade completa.

No dia seguinte, o Senado assistiu dois atos que comprovam o quão ruim é a política do Brasil. Comprovam em que situação está este país e o porque das pessoas sequer se indignar mais. Agaciel Maia, ex-diretor-geral do Senado, recebeu um ato de desagravo dos funcionários da Casa.

Agaciel, que teve seu nome envolvido no escândalo da gráfica do Senado em 1993, agora é  acusado de sonegação e outras coisas. Foi descoberto que ele “escondeu” uma casa de R$ 5 milhões. Uma história muito complicada, a casa estava no nome do irmão, um deputado federal, que sequer declarou o bem no seu registro de candidatura.

Bom, mesmo com esse histórico, o ato de respaldo a Agaciel foi grande. Muitos funcionários mostraram o apoio.

Depois, o senador Fernando Collor (PTB-AL)  (esse mesmo que você está pensando), com o apoio do senador Renan Calheiros (PMDB-AL), se elegeu presidente da Comissão de Infraestrutura, umas das mais importantes do Senado. Collor é um ex-presidente da República que sofreu impeachment e Renan é aquele que quase perdeu o mandato por pagar despesas particulares com ajuda de lobista beneficiado por obras públicas negociadas por ele. Bom, os nomes estão aí. Eles vêm todos os dias.

Abraços,
Daniel Machado

Deixe um comentário

Arquivado em Geral, Politica